sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Sobre o tempo... ou a falta dele

ripped denim, camel jacket, black turtle neck:  

Às vezes gostava, tanto, de ter mais tempo. Tempo para fazer coisas que gosto. Como por exemplo cozinhar ou passear o meu cão. Sinto que é tudo a correr. Acordo, tomo banho a correr, dou de comer ao cão a correr, preparo-me... a correr. E chego em cima da hora ao trabalho. Na hora de almoço (sim, tenho a sorte de poder almoçar em casa), almoço rápido e vou passear o cão... a correr. Quero tirar um bocadinho de tempo maior para lhe dar algumas lições de como deve andar de trela, mas... não dá tempo!  Há noite então nem comento... é sempre a correr. E o fim de semana voa e não faço nada daquilo que queria. 

Eu sei que poderia ser pior... não tenho filhos. Aí então imagino que não haja mesmo tempo. Mas às vezes era tão bom ter simplesmente... tempo.

2 comentários:

  1. Também tenho momentos assim, mas depois tento organizar-me melhor e tudo fica bem =)

    ResponderEliminar
  2. Depois de se ser mãe, a quantidade de tempo disponível reduz substancialmente e aí é impossível não sentir saudades do antes. É que o tempo esfuma-se por entre os dedos.

    ResponderEliminar

Litle bit of other worlds: